História
Desde 1955 a nossa casa defende a maior tradição de Lisboa que é o Fado e uma das maiores tradições de Portugal a nossa gastronomia, através destes dois pilares construímos a boa imagem do nosso restaurante tanto no plano nacional como internacional. Assente na qualidade do serviço e dedicação de três gerações, teremos todo o gosto que passe uma bela e típica noite de Lisboa!

O Fado representa para o povo português uma arte de expressar um estado de alma melancólico ou alegre.

Dado o seu valor cultural, foi considerado em 2011 pela Unesco Património da Humanidade, sendo Lisboa a capital deste movimento cultural.

Em 1955, o casal Júlio de Barros Evangelista e Maria José de Barros Evangelista inauguraram o restaurante "A Severa".

O nome "A Severa" foi inspirado na historia de uma antiga cantadeira cigana que foi a mais célebre intérprete do fado do seu tempo (séc.XIX).

"A Severa" é a casa de fado mais antiga de Lisboa que permanece na mesma família. Contando com três gerações é famosa pela sua gastronomia e pelo bom fado. É um dos ícones da cidade de lisboa e por ela passaram os melhores fadistas da história do fado.

Situada num dos bairros mais típicos de Lisboa, o Bairro Alto, "A Severa" convida-o a desfrutar uma noite marcante, onde num ambiente acolhedor e confortável ao som do Fado poderá saborear a tradicional gastronomia Portuguesa.